- Blog -

DELÍCIA REFRESCANTE!

Costumo dizer que tenho três grandes paixões na minha vida, as Flores, as Frutas e meus filhos!

Flores enfeitam nossa vida, e das flores vêm os frutos e dos frutos vem os filhos! Desde pequenina aprecio todos os tipos de frutas, das tradicionais às mais inusitadas aqui do cerrado, as quais consumo todas. Cresci buscando lenha no mato e tinha contato com todas, desde as pequenas que mais parecem sementes até as maiores como o marolo. Para saber se poderia comê-las observava os pássaros e se eles comessem pronto! Podia comer também!

De agora em diante sempre que puder farei uma receita com as nossas doces frutas ou doces de frutas. Vou falar delas em si ou de qualquer outra coisa que sentir vontade no momento…

Hoje falo da nossa Maravilhosa Pérola Negra Brasileira! A deliciosa jabuticaba!

Sua polpa rica em ferro, fósforo, vitamina C e boas doses de niacina, uma vitamina do complexo B que facilita a digestão e ajuda a eliminar toxinas. Na casca escura existem teores de pectina e a peonidina, além de um pigmento, antocianina, responsável pela coloração azul-arroxeada da jabuticaba. Para a medicina, o interesse nas antocianinas é outro: elas têm uma potente ação antioxidante, ou seja, ajudam a eliminar do organismo moléculas instáveis de radicais livres. Esse efeito, observado em tubos de ensaio, dá uma pista para se compreender porque a incidência de tumores e problemas cardíacos é menor entre consumidores de alimentos ricos no pigmento. Ultimamente, surgiram estudos apontando uma nova ligação: as substâncias antioxidantes também auxiliariam a estabilizar o nível de açúcar no sangue dos diabéticos. Como a maior concentração de antocianinas está na casca da jabuticaba, é recomendável batê-la no preparo de sucos ou usá-la em geleias (as altas temperaturas não afetam suas substâncias benéficas). (Disponível em: Wikipédia)

Essa pérola negra abrilhantava minha infância. Sempre em abundância nos pastos e no quintal eu desfrutava delas com gosto e prazer. A mais doce lembrança era a de ir chupar jabuticaba na casa da Diva, filha da tia Lifa. A Diva era casada com o Nenzinho, e junto com seu filho Gilson eles moravam no povoado da Chácara, pertinho do povoado do Paiol onde nasci e cresci…

Diva era incrivelmente feliz, para mim ela era um modelo de mulher, com seu cabelo anelado e volumoso, ficava a contar caso e a sorrir, me chamava de Quiquinha!

Lá haviam inúmeras jabuticabeiras, entre elas tinha uma bem miudinha que carinhosamente a chamávamos de caipira, deliciosamente doce e de casca fininha. Tinham também outras e sempre em muita abundância, e quando chegava à época de jabuticaba por lá eu ficava a me deliciar e a ouvir os causos da Diva.

Seu marido e filho ainda moram no mesmo lugar, tia Lifa e Diva se foram dessa vida, mas me deixaram lembranças e sabor de uma infância feliz! Para comemorar essa alegria que foi estar com elas deixo aqui uma deliciosa receita de sorvete de banana com jabuticabas, super fácil!

Faça você mesmo esta delícia refrescante, segue a receita:

Ingredientes:

4- bananas caturra grandes e maduras;

1- pote de 350g de Doce de Leite Mazé Doces ou uma lata de leite condensado; (Sugestão: doce de leite fica mais suave)

1- lata creme de leite;

1- Compota de Jabuticaba 350g Mazé Doces;

4- colheres de sopa de água;

Modo de fazer:

. Descasque as bananas e pique em rodelas;

. Coloque as bananas em uma panela e acrescente as 4 colheres de sopa de água;

. Leve as bananas e água ao fogo para cozinhar até ficarem macias;

. Retire a mistura do fogo, deixe esfriar até ficar morna;

. Coloque no liquidificador a banana, o doce de leite e o creme de leite, bata até ficar cremoso;

. Vire a mistura em uma vasilha plástica e leve ao congelador por 4 horas;

. Após esse tempo, retire mistura do congelador e mexa  bastante misturando até sentir a massa bem cremosa e homogenia, misture a jabuticaba levemente e aos poucos fazendo com que os frutos fiquem bem distribuídos, reservando um pouco da calda para o momento de servir;

. Leve novamente ao congelador e deixe descansar por aproximadamente 12 horas;

. Após este tempo basta retirar do congelador e servir regando as porções com o restante da calda da jabuticaba.

Aprecie sem moderação essa delícia refrescante!!!

Por  Mazé Lima – fundadora da Mazé Doces Artesanais.

Compartilhe

Share on FacebookTweet about this on TwitterGoogle+

Últimos posts

Categorias

Arquivos