- Blog -

16 de julho é o dia da Padroeira de Carmópolis de Minas!

  • carmopolis-de-minas
  • dia-de-nossa-senhora-do-carmo
  • entrevista-wellington-reis-carmopolis
  • festa-nossa-senhora-do-carmo
  • historia-padroeira-carmopolis-de-minas
  • nossa-senhora-d-carmo
  • padroeira-carmopolis-de-minas

Olá pessoal! Não sei se vocês sabem, mas dia 16 de julho é o dia da Padroeira de Carmópolis de Minas: Nossa Senhora do Carmo.

 

Por isso hoje vamos falar deste assunto que mora no nosso coração, afinal de contas Carmópolis de Minas é a cidade onde nasceu a Mazé Doces, onde fica nossa fábrica e nossa loja física.

 

E para falar desta tradição linda convidamos uma pessoa que é muito engajada nas festas da padroeira: Wellington Lucas dos Reis.

entrevista-wellington-reis-carmopolis

 

Wellington é artista plástico, super participativo nos eventos da cidade e nos concedeu essa entrevista com o maior carinho e atenção. Confira:

 

Foto: Wellington Lucas dos Reis

 

1) Wellington, você é de Carmópolis de Minas? Conte um pouco da sua história com a cidade.

 

Wellington: Sou nascido na capital mineira, Belo Horizonte, porém vivo em Carmópolis de Minas desde os meus primeiros dias de vida, portanto considero Carmópolis de Minas a minha cidade do coração. Povo amigo, acolhedor e acima de tudo, devoto de sua Padroeira.

 

2) Qual o seu envolvimento com as festas da padroeira da cidade?

 

Wellington: Desde criança procuro colaborar nos trabalhos da Paróquia de maneira voluntária e amorosa. Atualmente me dedico junto a minha equipe nos ornamentos da Matriz e do andor da Padroeira, uma continuidade da tradição que herdamos de outras pessoas que ao longo dos anos se empenharam na promoção dos festejos.

 

Costumo sempre dizer que “o belo nos ajuda a rezar!” Portanto não medimos esforços para manter a igreja bem ornamentada, não só na ocasião da festa, mas durante todo o ano.

 

3) Você conhece a história da padroeira de Carmópolis de Minas?

 

Wellington: A invocação Mariana de Nossa Senhora do Carmo está totalmente ligada ao Monte Carmelo (em hebraico “Carmo” significa vinha; e “elo” significa Senhor; portanto, “Vinha do Senhor”).

 

Neste monte santo os profetas Elias e Eliseu se refugiaram, tornando-se, portanto, cenário de acontecimentos de grande relevância do Antigo Testamento. Tais lugares eram considerados sagrados, pois neles se acreditava estar mais próximo do próprio Deus.

 

No longínquo ano de 1251 São Simão Stock, fundador da ordem dos Carmelitas, recorreu a Santíssima Virgem para que intercedesse pelo Carmelo em um momento de grande provação. Foi então que na noite do dia 16 de julho, Nossa Senhora lhe apareceu e, com ternura maternal, lhe entregou o Escapulário como sinal de proteção, defesa dos perigos e salvação na hora da morte.

 

A devoção se espalhou por todo o mundo.

 

Foto: Wellington Lucas dos Reis

 

Podemos dizer que Carmópolis de Minas nasceu e cresceu sob o olhar de Nossa Senhora do Carmo. O fundador de nossa cidade, Padre Domingos da Costa Guimarães, trouxe devotamente consigo uma imagem de pequeno porte de Nossa Senhora do Carmo.

 

A devoção se espalhou por todo o Arraial do então “Japão de Oliveira”. Por sua topografia montanhosa (comparada ao Monte Carmelo) escolheram o ponto mais alto de uma colina para erguer a primeira igreja em sua honra, onde, do alto, Nossa Senhora do Carmo protegeu e protegerá sempre os filhos dessa terra querida.

 

4) Na sua opinião, qual a importância destas festas para a cidade e para a cultura de Minas Gerais?

 

padroeira-carmopolis-de-minas

Foto: Wellington Lucas dos Reis

Wellington: Considero festas como a da Padroeira de Carmópolis de Minas não só como característica religiosa, mas também artística e cultural de nossa cidade. Minas Gerais respira arte e religião, por isso considero de grande importância para nossa cultura preservar e incentivar gerações futuras, para que essas tradições não se percam com o passar dos anos.

 

O mês de julho é diferente para nós! O ” ar de festa” é aconchegante, movimenta a cidade! É o momento de reencontrar os Carmopolitanos ausentes, receber os amigos, devotos… Um clima festivo toma conta de todos os lares. É a alegria dos filhos em celebrar a festa de sua Mãe!

 

5) Desde qual ano a procissão de Nossa Senhora do Carmo acontece em Carmópolis de Minas?

 

Wellington: Nós não temos uma data precisa da primeira procissão de Nossa Senhora do Carmo, mas é provável que as festas aconteçam desde que Nossa Senhora do Carmo assumiu o padroado de Carmópolis.

 

Baseado na idade da paróquia e da fundação da cidade, são mais de 150 anos de comemoração, que vai além da procissão, pois há também a festa de Nossa Senhora do Carmo.

 

6) Qual a programação para o Dia de Nossa Senhora do Carmo neste ano?

 

festa-nossa-senhora-do-carmo

 

6h: Alvorada Festiva com repique dos sinos e participação da banda de música Santa Cecília.

8h: Ofício de Nossa Senhora do Carmo na Igreja Matriz.

9h: Rasoura de Nossa Senhora do Carmo em volta da praça da matriz, seguido de missa solene com participação do bispo Dom Miguel Ângelo.

12h: Angelus, repique dos sinos e homenagem com fogos a toda comunidade e famílias de Carmópolis.

14h: Santa missa com consagração das crianças, bênção e imposição do escapulário.

18h: Última missa na praça da matriz, seguida da tradicional procissão de Nossa Senhora do Carmo.  Na chegada teremos a coroação de Nossa Senhora, encerramento com o solene Te Deum laudamus e Santíssimo Sacramento em ação de graças pela festa.

 

7) Quantas pessoas costumam comparecer à celebração?

 

Wellington: Não temos um número oficial, mas já contamos 7mil pessoas e acredito que já possam ter comparecido até mesmo umas 9mil pessoas.

__

 

Ficamos por aqui com um profundo agradecimento ao Wellington, por compartilhar com a gente sobre esta tradição tão importante para a cultura de Minas Gerais e para a nossa Carmópolis de Minas.

 

Vamos juntos ajudar a preservar e a difundir as nossas tradições.

 

carmopolis-de-minas

Foto: Wellington Lucas dos Reis

 

Viva Nossa Senhora do Carmo!

Compartilhe

Share on FacebookTweet about this on TwitterGoogle+

Últimos posts

Categorias

Arquivos