- Blog -

O ano começou e a safra do limão chegou!

  • doce-de-limao-maze-doces
  • safra-do-limao-capeta
  • safra-do-limao-maze-doces
  • safra-do-limao-mg

Um bom sinal de que o ano de fato começou é a safra do limão!

Ela se inicia em janeiro, atingindo seu clímax em março. E é com toda essa abundância presente que começo a me lembrar da minha infância.

Infância essa que foi escassa de muita coisa, mas abundante em frutas silvestres e de época, entre elas o limão capeta.

Hoje temos muitas variedades de limão, mas naquela época o limão predominante era o limão rosa ou, para muitos, limão capeta. Este é selvagem ao extremo! O encontramos em pastagens, alto de serras, beiradas de brejo e até em mata fechada!

Esse sim é um fruto criado por Deus. E é ele, o limão capeta, que embala minhas lembranças…

safra-do-limao-mg

São inúmeros os benefícios do limão, poderia passar horas descrevendo. Mas prefiro falar dele de uma forma amorosa e com muita gratidão.

Tenho certeza que vocês vão concordar comigo, acho que não existe quem dele não goste ou que em algum momento não o tenha usado para qualquer fim.

Aqui na Mazé Doces, além dos doces (casquinha, compota ou recheado com doce de leite), usamos o limão para acidificar os doces de abóbora, as bananadas, goiabadas e para limpar tachos de cobre. É muita utilidade para uma frutinha só!

Eu amo limão! Uso diariamente para temperar pratos, saladas e bebo água com limão todos os dias.

Mas limonada não. Essa eu não bebo de jeito nenhum, pois essa é a lembrança que eu não curto da minha infância, rs.

Lá na roça esse era o nosso suco oficial, pois a safra do limão era longa e na beirada dos brejos o limoeiro dava o ano inteiro. Por não termos energia elétrica e muito menos liquidificador ou geladeira, essa era a única forma de tomar um suco.

O que complicava era que muitas vezes o suco era adoçado com garapa, melado ou rapadura e combinado com o nosso tradicional papo suado – uma mistura de fubá com rapadura cozido lentamente em uma panela de ferro com só um pouquinho de água, de maneira a suar a mistura, que se tornava um bolo de fubá não muito belo, mas delicioso.

Uma vez exagerei na dose e comi muito papo suado! Então passei mal e desde então culpo a limonada! Por isso que a renego…

Mas o tempo passou a vida mudou… Ele, o limão, encheu minha vida de abundantes sabores e saberes que alegram meu paladar e de todos que experimentam nossas delícias.

Ultimamente tudo por aqui cheira às nuances e encantos do limão. É engraçado como em cada fase do preparo do limão o cheiro é diferente, mas nunca perde a característica principal e a sua pura essência, que é a de dar vida e realçar o sabor dos alimentos!

Dada tanta importância a esta azedinha, nada poderia ser mais emocionante e feliz do que visitar a plantação de limões do nosso fornecedor Lucinei, na Fazenda Buracão.

safra-do-limao-capeta

Como se não bastasse, na visita me deparei com uma imensidão de flores de açucena (que é uma grande paixão em minha vida) bem ao lado da lavoura. Não me contive e encantada, colhi algumas para perfumar minha casa!

safra-do-limao-maze-doces

Nossa profunda gratidão ao limão e aos nossos fornecedores de limão Galego e Taiti, aqui representado pelo Lucinei.

Sem deixar de citar a Luzia, que carinhosamente cuida dos seus pés de limão Galego e nos fornece com muita alegria, todos os anos, para a produção de nossas deliciosas compotas de limão galego.

doce-de-limao-maze-doces

Nossa sincera gratidão por eles e que suas vidas sejam abundantes, duradouras e felizes como um pé de limão! Ou melhor, como um pé de Limão Capeta!

Compartilhe

Share on FacebookTweet about this on TwitterGoogle+

Últimos posts

Categorias

Arquivos